Ainda é possível ganhar dinheiro com AdSense e afiliados?

Spoiler: É sim. Mas é preciso muita dedicação, estudo e, é claro, paciência. Veja o que é preciso para lucrar com essas plataformas hoje em dia.

pessoa escrevendo no notebook e chuva de dinheiro

Se você quer ganhar dinheiro com internet, faturar milhões com seu site ou blog, esse texto é pra você. Serei sincero: não vou revelar nenhum segredo ou técnica infalível para ficar milionário. O que farei nos próximos parágrafos é te contar um pouco da história de programas como o Google Adsense e de afiliados.

Ao final desse texto, espero que você tenha entendido um pouco do panorama atual e como aproveitá-lo para fazer uma grana extra ou até mesmo viver disso. Em última medida, o sucesso dessa empreitada depende apenas de você.

Se você não sabe o que é Google Adsense, confira nosso post sobre o assunto. Por lá também sugerimos a melhor maneira de receber dinheiro da plataforma.

Ganhar dinheiro na internet: um sonho

Quem está na internet há mais de uma década deve se lembrar com carinho dos anos dourados do Google Adsense. Essa fase ocorreu mais ou menos entre anos de 2005 e 2009, com blogs faturando alto exibindo os anúncios do Google.

Olhando em retrospecto, é até fácil entender esse momento, já que os blogs viviam o seu auge. Dadas as devidas proporções, podemos dizer que os blogs foram o primeiro estágio para que pessoas comuns pudessem faturar grandes quantias de dinheiro contando seu dia a dia, escrevendo textos sobre tudo e sobre nada e, em alguns casos, compartilhando memes.

O Google precisava entregar um inventário de mídia para os anunciantes. E a única coisa que os blogueiros precisavam fazer era apenas exibir anúncios em seus sites. Claro que não era tão simples assim. Para valer a pena, era necessário ter uma boa audiência.

Alguns blogs ficaram famosos a ponto de ter uma base fiel de leitores. Em outros casos – a maioria – os autores precisavam trabalhar a otimização de seus conteúdos para que aparecesse em primeiro lugar na página de buscas do Google.

A derrocada dos blogs começou quando esses produtores de conteúdo descobriram a “receita do sucesso” e passaram a investir cada vez mais em volume ao invés de qualidade do que era produzido. Atento a isso, o Google foi melhorando seus algoritmos cada vez mais, privilegiando conteúdos de qualidade.

Aos poucos, a fase de ouro do Adsense para os blogs foi chegando ao fim. Hoje, quem fatura alto com anúncios do Google são os Youtubers. E já podemos notar o mesmo ciclo se repetindo. Vários vídeos publicados ao dia, com uma qualidade bem duvidosa. É questão de tempo até que o mesmo aconteça com essa mídia.

Por outro lado, um mercado que cresceu em paralelo a isso e hoje movimenta milhões é o de afiliados. Ainda na primeira metade dos anos 2000, já havia alguns programas de afiliados, porém o boom se deu mesmo com a evolução da tecnologia, das próprias técnicas de SEO e a democratização da produção de infoprodutos.

Sabendo de todo esse caminho até aqui, você que é um produtor de conteúdo deve estar se perguntando: ainda é possível ganhar dinheiro com Adsense e afiliados?

A resposta é: depende.

Frustrante? Não. Quando digo isso, o que quero que você entenda é que ganhar dinheiro hoje em dia com Adsense e programas de afiliados depende exclusivamente da sua força de vontade, planejamento e estudo.

ilustração de criação de conteúdo
Crie conteúdo de qualidade com foco em um nicho e veja as coisas darem certo!

Ganhar dinheiro com Google Adsense

Como disse nos parágrafos acima, a quantidade de pessoas produzindo conteúdo hoje em dia é muito maior que há dez anos. Temos o Youtube, que hoje é a principal fonte de conteúdo para o usuário de internet e grande parte dos investimentos de anunciantes são direcionados para lá.

Ou seja, temos muito mais pessoas querendo uma fatia do bolo. Dessa forma, as fatias ficam cada vez menores, já que o bolo não aumenta na mesma proporção.

Mas não se desespere. Ainda é possível ganhar dinheiro com Google Adsense traçando algumas estratégias e entendendo muito bem o que determinados públicos procuram na internet.

Não é nenhum segredo, apenas um fato: hoje é mais fácil focar em um nicho específico e produzir conteúdo exclusivamente para ele. Não espere milhões de acessos. Mas os acessos serão qualificados e você pode exibir anúncios de categorias específicas que atendem ao seu nicho.

Quem ganha dinheiro com Adsense hoje não mantém apenas um blog. O ideal é criar uma rede de blogs para vários nichos diferentes. De preferência aqueles que não tem tanta concorrência.

Vai exigir planejamento, estudo e dedicação. Você precisará aprender a produzir conteúdos de qualidade, algo que é o ponto central do algoritmo do Google hoje em dia, que privilegia os sites que respondem às dúvidas do usuário que faz uma busca.

Além da qualidade, você precisará aprender técnicas de SEO, troca de links com outros sites (dentro das normas do Google) e manter um bom volume de novos posts. E de atualizações dos posts antigos, sempre acrescentando informações e melhorando o conteúdo.

É um trabalho constante, mas que pode trazer resultados no médio prazo. E quando você já estiver faturando uma boa quantia, não se esqueça de ler nosso artigo mostrando a melhor maneira de receber seus pagamentos do Google Adsense.

youtuber gravando
Youtubers com dias contados? Não pra quem produz conteúdo de qualidade!

Ganhar dinheiro com programas de afiliados

Hoje, os programas de afiliados são a menina dos olhos do empreendedorismo digital. Ferramentas como Monetizze, Hotmart e Eduzz tem mudado a vida de pessoas em questão de meses.

Mas veja bem: não existe nenhum “segredo do sucesso” que não seja trabalho duro, estudo, pesquisa e dedicação.

Nos programas de afiliados você pode ganhar dinheiro de duas maneiras: sendo um infoprodutor (e-books, cursos on-line, webinarios, etc) ou um afiliado de fato, que é aquele que vende os infoprodutos de outros criadores de conteúdo e recebem uma comissão em cima do valor total da venda.

Existem programas de afiliados voltados exclusivamente para produtos digitais, como é o caso da Hotmart, que trabalha apenas com infoprodutos.

Existem programas que trabalham tanto com infoprodutos quanto produtos físicos, como a Monetizze.

E tem os programas de afiliados de grandes marcas do varejo, como Mercado Livre, B2W (Submarino, Americanas e Shoptime), Amazon e Magazine Luiza, que permitem a criação de “lojas” personalizadas.

Em todos os casos, para conseguir ganhar dinheiro, você precisa de planejamento e estratégia. Saber como divulgar os produtos que você está criando ou divulgando.

No caso de um infoprodutor, você deve pensar em produtos que solucionem um tipo de problema (a boa e velha regra da oferta e demanda). Seja através de um e-book ou um curso.

Estude o mercado, entenda as dores dos usuários e elabore um conteúdo que melhor atenda à essas pessoas.

Em seguida, invista em divulgação. O mesmo que falamos em relação ao Adsense vale aqui: aprenda técnicas de SEO, link building, divulgação em redes sociais. Faça o seu produto chegar até às pessoas que procuram por ele.

Da mesma forma que os afiliados fazem, porém sem a necessidade de pensar em um produto. Precisam apenas estudar como divulgar os produtos que desejam trabalhar.

É um trabalho que exige esforço, tempo e dedicação. Mas que pode gerar um retorno bem maior que o Adsense se você souber como fazê-lo.


Para concluir, como disse no início desse texto, é possível ganhar dinheiro com Adsense e afiliados. Depende de dedicação, planejamento e muito estudo. Escolher em qual nicho atuar e, a partir daí, investir em produção de conteúdo.

Esperamos que este texto tenha te ajudado a escolher o melhor caminho para faturar uma grana na internet.

Deixe seu comentário